Tratamento de resíduos de clínicas médicas – Veja como a Pró-Ambiental pode te ajudar.

Os resíduos de saúde são produzidos em qualquer lugar que presta serviços médicos, tanto para humanos como para animais, hospitais, clínicas, laboratórios e farmácias – que diariamente descartam grande quantidade de materiais contaminados por bactérias, vírus, sangue e substâncias potencialmente perigosas, que podem, inclusive, ser radioativas. Medicamentos vencidos, tecidos, órgãos corporais, instrumentos perfuradores e fluídos corporais são alguns exemplos de resíduos de clínicas médicas.

A exposição e descarte incorreto destes resíduos químicos traz graves riscos à saúde pública e ao meio ambiente. O manejo inadequado de tais substâncias pode provocar desde infecções hospitalares até catástrofes ambientais.

Os resíduos hospitalares são inevitáveis, pois são resultado de ações básicas para a sobrevivência humana e seu descarte é regulamentado e fiscalizado pela ANVISA, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Existem regras fundamentadas por leis que devem ser seguidas, a fim de evitar a contaminação dos profissionais envolvidos em todo o processo e a exposição indesejada dos resíduos.

Clínicas médicas e hospitais devem elaborar políticas de gerenciamento efetivas que sigam as recomendações técnicas e legais específicas para a coleta, transporte e descarte dos resíduos hospitalares.

 

Coleta e transporte

O descarte correto de resíduos de clínicas médicas começa com a coleta, um processo que, de acordo com a ANVISA, exige precaução com o acondicionamento e segurança dos trabalhadores envolvidos, da população e do meio ambiente.
Os resíduos devem ser separados rigorosamente ainda nas clínicas, hospitais ou laboratórios e transportados  obedecendo critérios técnicos, como roteiros previamente decididos e, em casos de desejos de fácil putrefação, sob refrigeração.


Descarte

O descarte dos resíduos de saúde pode ser realizado de diferentes formas. Uma das mais recomendadas é o aterro, que garante a segregação, sem agredir o meio ambiente. Os resíduos são tratados da forma adequada e, então, direcionados ao solo.

Outra forma de descarte muito utilizada é a incineração. No caso de resíduos hospitalares, há significativa redução de risco de danos à natureza e ao homem, pois ao ser incinerado, todo o material é transformado e fica irreconhecível como resíduo.

 

Gerenciamento

A Pró-Ambiental Tecnologia oferece todo o serviço de gerenciamento para clínicas médica e hospitais, garantindo, assim, segurança e eficiência. Dessa forma, as leis e normas estipuladas podem ser cumpridas sem preocupações.

Quer saber como a Pró Ambiental pode auxiliar a sua empresa?

Clique para deixar a sua mensagem.

 

COMPARTILHE ESTE ARTIGO

Matérias Relacionados

A incineração de resíduos é uma prática extremamente sustentável e que traz uma série de benefícios para o meio ambiente se for realizada de maneira correta e dentro das normas estabelecidas por leis. Além da diminuição de sobras, o processo de incineração de resíduos impede a produção de gás metano liberado pelo lixo em aterros […]

Você sabe identificar o que são os resíduos de saúde? Sabe também como fazer a separação correta para evitar a contaminação? Os Resíduos de Saúde podem ser considerados todos os rejeitos produzidos por prestadores de serviços médicos, de enfermagem, laboral, odontológico, farmacêutico, veterinário e até por instituições de pesquisa médica que produzem produtos que oferecem […]

O mercado dos tratamentos de estética é um dos que mais movimentam o país. Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos, o Brasil tem um dos maiores mercados consumidores de beleza e estética no mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos e a China. Ainda segundo o levantamento, o nicho […]

Já parou para pensar a quantidade de resíduos de serviços de saúde cursos de graduação da área de saúde produzem? Agulhas, gazes, algodões, seringas dentre outros objetos possuem um alto risco de contaminação. Por isso, devem ser manejados, gerenciados e descartados de forma a minimizar os riscos de contaminação do meio ambiente e da saúde […]

Em quase todas as cidades do país existem farmácias de manipulação. O segmento é uma opção para a compra de medicamentos e outros. O estabelecimento prepara ou manipula fórmulas de medicamentos magistrais e oficinais, fitoterápicos e suplementos alimentares, além de comercializar uma série de outros produtos. Diante da grande produção de remédios e diversos outros […]

Utilizada diariamente desde o início das pandemias, as máscaras de proteção tornaram-se peças totalmente presentes nos nossos cotidianos. E as máscaras descartáveis, justamente pela praticidade e baixo custo, mostram-se como as mais comuns dentre a população.  No entanto, temos aqui uma via de mão dupla: pelo fato de possuírem como matéria prima o TNT (tecido […]

Presente em todo tipo de ambiente que esteja relacionado de alguma maneira com a área da saúde, os resíduos provenientes dessas atividades podem causar sérios danos para a sociedade de uma maneira geral caso não sejam descartados da maneira correta.  O Plano de Gerenciamento de Resíduos de Serviço de Saúde (PGRSS), por sua vez, é […]

Você sabe o que é o CDF (Certificado de Destinação Final de Resíduos)? Especialmente se sua empresa gera algum tipo de resíduo sólido, essa é uma sigla que você precisa saber muito bem o significado e qual sua importância.  O CDF é um documento que atesta que a tecnologia usada na destinação residual está em […]

Classificar e caracterizar resíduos, apesar de soarem como termos parecidos, são duas fases bem diferentes durante o processo de gerenciamento residual dentro de uma empresa. Cada uma apresenta particularidades que devem ser respeitadas.    Enquanto a caracterização se mostra uma fase em que são definidas as propriedades físicas, biológicas e composições químicas de um resíduo, […]

A pandemia do Coronavírus trouxe para o mundo uma série de mudanças no cotidiano das pessoas. E uma dessas mudanças mais significativas foi a adição de uma peça no guarda roupa que até então não era tão comum no Brasil: as máscaras de proteção.    Especialmente em áreas de maior contágio (como as grandes cidades, […]

Junte-se ao grupo exclusivo de conteúdos

e receba informações com prioridade!

hhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh